terça-feira, 23 de junho de 2009

O que levar - praia

Hoje em dia, mesmo as praias mais distantes, como as de Fernando de Noronha, têm uma bela infraestrutura para receber os turistas. Se o destino for um resort, então, há recreadores, babás, uma programação intensa para entreter a criançada. Ainda assim, a experiência nos mostra que, ao contrário do que é aconselhável em uma viagem desacompanhada (sem crianças!), sair de casa de mala cheia pode ser um ganho e tanto.

E se chover? E se o tédio bater à porta de sua suíte à beira-mar? E se alguém se machucar brincando?! Aí vão alguns dos nossos truques para mães prevenidas:

- Leve muitos protetores solares. Vai que a sua marca preferida está em falta em seu destino?

- O chapéu que a filhota aceita usar, os óculos estilosos do filhote, a saída de banho que esquenta no fim de tarde: para a mala, já!

- Assim como uma boa variedade de calções, sungas e biquinis, para não depender de tempo bom para secar.

- Vale levar também um pequeno kit de primeiros-socorros: band-aids animados, com o personagem querido, alegram qualquer um.

- Uma lata de leite em pó e fraldas (de piscina e comuns) para os primeiros dias são a certeza de que não será necessário gastar tempo em farmácias.

- Mamadeiras e chupetas extras, muitas chupetas, para os bebês que dormem à tarde, naquela sombrinha com o barulho do mar...

- Carrinhos: levar ou não levar? Até as crianças completarem 5 anos, nós sempre levamos, para o descanso no restaurante, para não perder o controle no café da manhã, para a caminhada na praia de areia dura.

- Babadores, paninhos, fraldinhas, a manta preferida: peças de uso diário diminuem a saudade que as crianças sentem de casa.

- Travesseiro também - ou talvez a boneca preferida, o "sujinho" inseparável do berço...!

- Carregar bercinhos portáteis depende do gosto do freguês. As pousadas costumam oferecer, vale perguntar antes de viajar.

- Assim como a possibilidade de uso da cozinha, para esquentar uma comidinha, um leite, nada mais prático.

- Máscaras de mergulho, nadadeiras, baldinhos etc são trambolhos que divertem.

- Não economize em camisetas e shorts. Ninguém vai lavar roupa nas férias, não é?

- Leve pelo menos duas mudas de roupas mais quentinhas, para o caso de chuva ou frio.

- Lápis de cor, livrinhos e aparelho de DVD. Se esses recursos nos salvam na cidade, por
que não usá-los nas férias, para garantir um almoço tranquilo?

- Cangas, muitas cangas, para enrolar a garotada na hora de sair da praia, para forrar o banco do carro alugado, para proteger os rostinhos do sol. Cangas são mais leves do que toalhas.

10 comentários:

  1. Adorei as dicas, acredito que me ajudarão, pois estou perdidaaaa!!!

    ResponderExcluir
  2. devo levar pé de pato

    ResponderExcluir
  3. vou seguir as dicas quando voutar te conto

    ResponderExcluir
  4. obrigada pelas dicas, por mais que a gente ache que lembra de tudo sempre esquece algo, no meu caso o kit primeiros socorros. ah, e adorei a dica das cangas!

    ResponderExcluir
  5. Tenho algumas dúvidas: No caso de ir de avião, dá pra levar berço portátil e/ou carrinho? Como dividir o peso? O que é melhor dar preferencia?

    ResponderExcluir
  6. valeu a dica ,,estava com muitas duvidas,,,,,,,,,,obrigadim

    ResponderExcluir